FANDOM


ALF (acrônimo da expressão inglesa Alien Life Form, "forma de vida alienígena") foi uma popular série de televisão norte-americana. Foi exibida pela primeira vez em 22 de setembro de 1986, com direção de Peter Bonerz, e transmitida originalmente pela NBC entre 1986 e 1990. Foi inspirada e parodiava o filme E.T. the Extra-Terrestrial, de Steven Spielberg (1982).[carece de fontes] Foi lançada no Brasil pela Rede Globo com o nome ALF, o ETeimoso em 1987, e em Portugal pelo Canal 1 da RTP, com o nome ALF, Uma coisa do outro mundo. A série teve 102 episódios.


Premissa Editar

ALF (Paul Fusco) segue um sinal de rádio amador para a Terra e acaba caindo na garagem da casa da família Tanner. Os Tanner são uma típica família de classe média em Riverside, Califórnia, EUA. A família consiste do assistente social Willie (Max Wright), sua esposa Kate (Anne Schedeen), sua filha adolescente Lynn (Andrea Elson), o filho mais novo Brian (Benji Gregory), e o gato Lucky.

Sem saberem ao certo o que fazer, os Tanner levam ALF para casa e o escondem da Alien Task Force (um grupamento do exército estadunidense que procura extraterrestres) e de seus metidos vizinhos Trevor e Racquel Ochmonek (John LaMotta e Liz Sheridan), até que ele possa reparar sua nave. ALF geralmente fica escondido na cozinha. Eventualmente é revelado que Melmac, o planeta de ALF, foi destruído por uma catástrofe envolvendo bombas nucleares (embora nos primeiros episódios ALF tenha dito que seu planeta explodiu por uma sobrecarga elétrica quando todos os habitantes de Melmac ligaram o secador de cabelo simultaneamente). No quarto episódio da série, ALF tenta convencer o presidente dos EUA a parar o programa nuclear do país por temer que a Terra tenha o mesmo destino de Melmac. ALF não estava no planeta porque fazia parte da Guarda Orbital de Melmac. Gordon Shumway (o nome verdadeiro de ALF) ficou sem ter onde morar, mas não foi o único sobrevivente de sua espécie. Ele torna-se um membro permanente da família, embora o choque cultural, a solidão e a saudade de casa frequentemente causem problemas aos Tanner.

Embora muito da ficção científica em ALF tenha sido encarada de forma humorística, há referências a tópicos reais da exploração espacial, como ALF ter usado um sinal de rádio no início da história. No episódio "Weird Science", ALF constrói para Brian um modelo do sistema solar para seu projeto de ciências, mas há dois planetas depois de Plutão, chamados "Dave" e "Alvin", o que causa problemas a Brian na escola. Entretanto, após Willie dar um telefonema para uma organização de astronomia, ele explica a Brian que "Dave" pode ter sido o planetóide 2060 Chiron (descoberto em 1977 pelo astrônomo Charles T. Kowal).

A série original teve 102 episódios, cada um com o nome de uma música relevante ao tema abordado, onde ALF aprende sobre a cultura da Terra e faz novos amigos dentro e fora da família Tanner, incluindo Neal (Jim J. Bullock), o irmão de Willie; Dorothy (Anne Meare), a mãe de Kate, com quem ALF tem uma relação de amor e ódio e a quem ele chama de "bruxa", enquanto ela ameaça entregá-lo aos militares; Whizzer (Paul Dooley), o marido de Dorothy; Jake, o sobrinho dos vizinhos Ochmonek; Larry (Bill Daily), um psicólogo; e uma mulher cega chamada Jody (Andrea Covell) que nunca percebe que ALF é um alienígena, embora tenha percebido pelo toque que ele tem baixa estatura e é peludo. Várias mudanças ocorrem na família Tanner no decorrer da série, como o nascimento de um novo filho, Eric, a construção de um pequeno apartamento para ALF e a morte do gato Lucky, ao que ALF demonstra respeito apesar de sempre ter tentato pegar o gato para comer, admitindo que ele se tornou o pior tipo de Melmac, o "amante de gatos".

No final da série, ALF está prestes a ser resgatado por outros da sua espécie, mas é capturado pelos militares, e o espectador é levado a imaginar o que aconteceu em seguida. Este não deveria ter sido o final, e o episódio termina com a mensagem "a continuar…". Os produtores supostamente tinham um acordo verbal com a NBC para pelo menos mais um episódio para resolver a história, mas a NBC nunca cumpriu o acordo e a série foi cancelada. Entretanto, a história foi concluída no filme para a TV Project ALF.

O personagem ALF Editar

Gordon Shumway é um alienígena apelidado de ALF (de Alien Life Form, Forma de Vida Alienígena) por William Tanner no primeiro episódio. ALF nasceu em 28 de Outubro de 1756, embora ele mencione seu aniversário em Agosto no episódio 7 ("Help Me Rhonda") no Leste do planeta Melmac. Melmac localiza-se seis parsecs adiante da constelação Hidra-Centauro e tem um céu verde, grama azul e sol roxo. A moeda é o Wernick (batizada em homenagem ao produtor Sandy Wernick) que vale dez dólares, e os fiapos de roupa que sobram nas lavanderias são tão preciosos em Melmac quanto ouro na Terra.

O corpo de ALF é coberto por pêlos marrons (a cor descrita por ele é "marrom siena"). Ele tem um focinho enrugado, sinais no rosto, oito estômagos, seu coração localiza-se aparentemente na cabeça, e ele gosta de arrotar, comer gatos e tinha um melhor amigo chamdo Malhar Naik em Melmac. Ele também tinha um amigo chamado Skip e uma namorada chamada Rhonda, que também escaparam da explosão. Ele frequentou a escola por 122 anos e foi capitão do time de bouillabaisseball, onde se joga com frutos do mar no lugar de uma bola.

ALF tem um enorme apetite, comendo tudo o que encontra. Ele é criador de problemas, sarcástico, desastrado e cínico, e algumas vezes coloca a si próprio em risco de ser descoberto enquanto faz uma de suas brincadeiras não-intencionais. Entretanto, quando as coisas vão longe demais, ele se esforça para corrigir seus erros, geralmente com bons resultados. Quando Lynn estava batalhando para conseguir dinheiro para comprar um carro, ALF vendeu parte de sua espaçonave usando o dinheiro para comprar uma Ferrari para ela. Em um episódio, ele tenta ajudar Brian a ganhar confiança na escola, dando a ele um "dente da sorte" que ele diz tê-lo ajudado a ser uma estrela em Melmac. Em outra ocasião, ele ajuda Dorothy a lidar com a morte de Sparky e aceita a amizade de Whizzer. Após a vizinha Raquelle Ochmonek ser ridicularizada na TV por afirmar ter visto ALF, ALF liga para o programa para defendê-la. ALF também ajuda Racquel ao colocar sua imagem na TV dela, onde aparece dizendo ser do espaço e agradece por ter acreditado nele (mas pede para deixar uma torta para ele do lado de fora, tentando obter vantagem mesmo quando a ajuda). Ele tem pelo menos 30 parentes, os primos "Pretty Boy Shumway" e "Blinky", os tios "Tinkle" e "Goomer", a vovó Shumway, o irmão Curtis, os pais Bob e Flo, e tios Bubba, Wagner e Eugene. Durante uma crise de amnésia, ele acredita ser um corretor de seguros chamado Wayne Schlegel.

Elenco Editar

Personagens & atores Editar

Sobre o personagem ver o item: A.L.F: Um caso a parte. O nome verdadeiro de ALF é Gordon Shamooey, ele caiu na casa dos Turnner num dia qualquer.

Sobre Mihaly: Durante a série, quando o personagem precisou mostrar o corpo, ele vestia a fantasia que cabia muito bem.

Sobre o personagem ver o item: A.L.F: Um caso a parte.

No Brasil, a voz coube ao ator Orlando Drummond

Sobre ALF no começo: ALF era uma cabeça que tinha a voz de Paul Fusco, logo depois virou uma fantasia (ver acima).

Willie é o mestre de família, odeia as coisas que ALF faz e tenta sempre manter as coisas em ordem, no fundo nutre um grande sentimento por ele, o que o faz permitir ALF em sua casa e sempre o ajudar.

Kate é a dona de casa, não gosta muito do que ALF faz, mas acaba o aceitando na família e o adotando como um filho, ALF várias vezes à chama de Mamãe. No primeiro episódio ela odiava ALF, mas quando um militar bateu em sua casa dizendo que iria torturar ALF até a morte, ela o protegeu.

Lynn é a filha mais velha da família e como uma jovem tem muitos problemas que são superados sempre. ALF tinha uma paixão por ela, que acaba logo. ALF sempre a ajuda a conquistar alguém, mas sempre dá errado e ela sempre arranja o maior mané com nome idiota.

Brian é o filho mais novo, adora ALF e suas traquinagens. Trata ALF como um irmão e tenta ser como ele, mas sempre é impedido por seus pais. No primeiro episódio, Brian pega uma cerveja porque ALF mandou.

Trevor é um machão preguiçoso, porco e adora mulheres nuas, ou seja: um definitivo homem. Nunca acredita que existe um alien vivendo ao lado dele, nunca demonstra muito amor, porém é muito amigo de Willie.

Raquel é a esposa de Trevor, quando aparece vê motivos da existência de um alien.

Neal Tanner é o irmão do Willie. Ele apresenta ser uma pessoa ingênua, e pede para os outros resolverem seus problemas. Neal reencontra Willie depois de se separar de sua esposa, Margarett. Ele sabe da existência de ALF por causa de Willie que insistiu que ALF o conhecesse, o que inicia uma amizade entre os dois.

Whizzer é marido de Dorothy, mãe da Kate, que se casou com ele após perder seu marido. Assim como Dorothy ele sabe da existência de ALF e também guarda segredo sobre ele.

Jody é uma mulher cega. Ela aparece no episódio em que ALF queria ter um romance secreto sem estragar a sua identidade. Ela sabe que ALF existe, mas não sabe que ele é um extraterrestre e somente nota diferença quando toca em ALF e sente os pêlos e sua altura que é baixa.

Larry é um psicólogo que sabe da existência de ALF, porém o ajuda. Ele conhece ALF quando Willie pede para que ele o ajudasse a resolver problemas com o alienígena, principalmente no episódio em que ALF usa um boneco ventríloco para desabafar seus problemas.

Dorothy é a mãe de Kate, ela descobre ALF quando vai visitar Kate. Ela sempre briga com ALF, mas eles se entendem principalmente quando ALF dá conselhos que ajudam ou quando ele tenta ser legal. Quando Dorothy ficou deprimida com a morte do marido, ALF ajuda ela a voltar a ser feliz.

Jake Ochmonek é um garoto que sabe da existência de ALF. Ele é sobrinho de Raquel e Trevor Ochmonek e também guarda segredo sobre a existência de ALF. Os dois são muito amigos e Jake vive perturbando a Lynn com cantadas.


Fatos interessantes Editar

  • ALF significa 'Alien Life Form' - Forma de vida alienígena.
  • Há uma citação do dublador original de ALF (Paul Fusco) como parte de uma tese de Maura (2ª Temporada - Tequila) sendo "Estado vs Fusco"
  • Um episódio foi uma paródia do filme "Aliens" de James Cameron, tanto que até a música fora composta sobre uma existente no filme (1ª Temporada - La cucaracha)
  • Se vocês ouvirem a dublagem nos três diferentes línguas (Japonês, inglês e português) na versão DVD verá que aquela gargalhada acontece em momentos diferentes das falas do mesmo episódio.
  • Houve uma especial de natal com qualidade de filme, diferente de TV para o ALF na 2ª Temporada - ALF Especial de Natal um episódio duplo de 20 minutos cada, sem introdução.
  • A série ALF tem 4 temporadas (1986-1990) e começou a ser distribuída em formato DVD com a dublagem original em 2009 com a primeira temporada, e no mês de fevereiro de 2010 com a segunda temporada.
  • No episódio "Tente se lembrar" da 1º temporada, todas as vozes dos episodios que aparecem em flashbacks foram re-dublados para este.
  • Percebe-se claramente que o personagem na grande maioria dos episódios, é uma marionete de tamanho grande, já que anda de forma muito torta. Observe o mesmo andar com o ator vestindo a fantasia de corpo inteiro.
  • Nota-se a semelhança das familias de "Hospede do barulho" (Esposa\Marido\Filho\Filha adolescente e cachorro e vizinha bisbilhoteira) e "E.T - O extraterrestre" (Mãe\Filho\filha\Filho adolescente\cachorro) aos Tanners (Willie\Kate\Brian\Lynn\Lucky).
  • O ALF esta fazendo 24 anos de série (quando estreou) e 20 anos quando terminou.
  • ALF foi baseado no filme "E.T - O Extraterrestre", no primeiro episódio Brian cita que a familia ficou com o alienígena e Kate rebate que era apenas um filme.
  • Quando ALF diz que a cada 75 anos um Melmaquiano sofre por uma transformação complexa no episódio "Coisa selvagem" existe um erro de contagem. Se ele tem 229 anos atualmente na ordem ele ja passou pela transformação.
  • Existem duas versões para a explosão de Melmac. Numa ALF diz que todos ligaram os secadores de cabelo ao mesmo tempo e na outra fala sobre uma crise nuclear.
  • Durante a série é possível notar a pre-disposição de ALF para psicologia, já que em todos os episódios o vemos usar técnicas. Num dos episódios em fala que faltavam 2 horas para ele terminar o curso. O outro que ele fez, foi odontologia.
  • Ator do filme O Hóspede do barulho aparece num episódio do Alf (Canção) no que faz o papel de um colega da escola de Brian irritante.
  • Kate erra o nome do planeta de ALF num episódio chamando o de "Mork" - este é o nome do alienígena que em 1975 foi interpretado por Robin Willians.

Empregos de ALF Editar

  • Vendedor de cosméticos
  • Distribuidor de jornais


Em outras mídias Editar

  • A empresa Mimo fabricou em 1988 um boneco de pelúcia de ALF.
  • ALF também teve sua série animada, que conta suas aventuras no seu planeta Melmac, antes de vir para a Terra. Mas após o fim de cada episódio, ALF aparecia pessoamente, como na série original.
  • Após terminar a série, ALF aparece por um único episódio na série Blossom. Ele aparece em um sonho da menina Blossom e desta vez não foi dublado por Orlando Drummond Cardoso.
  • ALF também aparece em um episódio da série Os Simpsons ao lado de vários outros personagens alienígenas famosos, como Marvin Marciano de Looney Tunes. Duas coincidências: o produtor musical da série ALF também tem o mesmo nome do extraterrestre: Alf Clausen, que também trabalhou com a trilha sonora de Os Simpsons.
  • A Editora Globo publicou no Brasil, entre 1989 e 1990, uma série de revistas de ALF. Ao todo foram publicados 20 gibis, que eram mensais.
  • ALF apareceu também na série Uma Familia da Pesada no programa HQ News.
  • Em 2009 foram lançadas as 1ª e 2ª Temporadas em DVD com dublagem original da Herbert Richers.

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.